Brasília Ambiental renova licença ambiental do zoo

Brasília, quarta-feira, 12 janeiro, 2022

Brasília Ambiental renova licença ambiental do zoo

A Licença de Operação, chamada de LO, é a última etapa do licenciamento ambiental. Foto: Tony Winston / Agência Brasília

Com: informações do Brasília Ambiental
Fonte: AGÊNCIA BRASÍLIA

Atualizado em: 13 janeiro, 2022

Concessão autoriza fundação a desenvolver ações de preservação e pesquisa científica da fauna no DF

O Instituto Brasília Ambiental concedeu a renovação da Licença de Operação (LO) à Fundação Jardim Zoológico de Brasília (FJZB) para o funcionamento da instituição que desenvolve ações de conservação, pesquisa e preservação da fauna brasileira no Distrito Federal.

O termo foi assinado no início de 2022, com efeitos válidos a partir desta data e a outorga tem validade de 10 anos.

O superintendente de Licenciamento Ambiental do Instituto, Alisson Neves, destaca o compromisso desempenhado pela autarquia ambiental em atender não só aos empreendimentos mais recentes, como também manter em regularidade ambiental todos os demais que já funcionam no DF.

“O Brasília Ambiental trabalha visando garantir que atividades, como a do Zoo, funcionem de forma sustentável, com equilíbrio e segurança ambiental, sendo interessante tanto para quem visita o local, como para os animais e os funcionários”, concluiu

Pesquisa

A Licença de Operação, chamada de LO, é a última etapa do licenciamento ambiental. Ela autoriza o início da atividade, do empreendimento ou da pesquisa científica, após a verificação do efetivo cumprimento das medidas de controle ambiental e das condicionantes determinadas para a operação, conforme o disposto nas licenças anteriores (prévia e de instalação).

No caso da renovação, o empreendimento já possui a LO e antes do término da validade apresenta relatórios de atendimento de condicionantes e formaliza o processo e, conforme a legislação, sendo aprovado, o estabelecimento está respaldado para continuar exercendo as suas atividades.

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM SE INTERESSE POR:


0

Comente esta notícia!