Como manter a saúde física e alimentar em tempos de pandemia?

Brasília, terça-feira, 15 setembro, 2020

Especialista explica que ações simples ajudam a manter uma alimentação saudável e colocar os exercícios em dia mesmo sem sair de casa

A pandemia do novo coronavírus transformou o modo de viver das pessoas. O ritmo de atividades físicas e alimentação foi alterado e a dúvida constante é: como se manter saudável mesmo sem ir à academia e com a geladeira sempre à disposição?

Para o nutricionista Daniel Novais, nesse período é necessário cuidado redobrado com a saúde, seguindo uma alimentação saudável e realizando exercícios. “Nessa situação é bem comum nos tornamos mais ansiosos, e isso influencia a forma como administramos nosso tempo e principalmente como nos alimentamos”, comenta o nutricionista.

O profissional salienta que para ser saudável, não é necessário comprar produtos caros. “Alimentos como arroz, feijão, frango e pães integrais não pesam no bolso e são saudáveis. Uma alimentação balanceada contribui para manter a imunidade alta, reduz o risco de doenças crônicas, previne o aumento de peso e melhora o bem estar geral” afirma.

Para Daniel Novais, mesmo que as pessoas trabalhem em home office, é necessário manter o horário de alimentação adequado, e se não existia esse horário, agora é a oportunidade para uma organização alimentar.

“A imunidade do corpo aumenta com bons hábitos alimentares e a prática frequente de atividade física, o que reduz significativamente a chance de doenças causadas por vírus e bactérias”

Com as restrições para sair de casa, a dica é levar para a sala de estar as atividades físicas que antes eram realizadas em academias e parques. Lembre-se também de não exigir demais do seu corpo com exercícios pesados ou que nunca foram praticados. A melhor proposta para o momento é manter o corpo em movimento.

Para finalizar o nutricionista recomenda, que todos os tratamentos e indicações médicas devem ser mantidos nesse período e alerta para o prejuízo de dietas milagrosas e informações falsas sobre exercícios e alimentação.

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM SE INTERESSE POR:


0

Comente esta notícia!

Pular para a barra de ferramentas