Dúvidas mais comuns sobre cirurgia bariátrica

Brasília, segunda-feira, 21 junho, 2021

Dúvidas mais comuns sobre cirurgia bariátrica

Foto: Divulgação.


Atualizado em: 21 junho, 2021

Peso mínimo para o procedimento, necessidade de plástica após a cirurgia, entre outras perguntas foram respondidas por especialista no assunto

Há muitas dúvidas em torno da cirurgia bariátrica, tanto sobre o pré-operatório, quanto sobre o pós-operatório. Entre os questionamentos mais comuns estão qual o objetivo da cirurgia, o peso mínimo para a indicação de cirurgia, como deve ser a alimentação, e até se há necessidade de cirurgia plástica após bariátrica. O especialista no assunto, Dr. Thales Maia, do Centro Médico São Miguel (706 Sul), esclareceu essas dúvidas. Confira:

Qual o peso mínimo para a realização da cirurgia?

Segundo Thales, as indicações quanto ao peso são recomendadas pelas Organização Mundial da Saúde (OMS), e levam em conta um índice de massa corpórea (IMC), que é o peso dividido pela altura ao quadrado (peso sobre altura x altura). “Dessa forma, não há um peso mínimo para a cirurgia, e sim um valor adequado para cada paciente dependendo de sua altura e peso”, explica.

Para a realização do procedimento, o paciente deve ter IMC acima de 35 Kg/m² com doenças associadas, que são mais de 30, como apneia do sono, hipertensão arterial, diabetes, aumento de gorduras fígado, colesterol elevado no sangue, problemas articulares etc.

A cirurgia também é indicada para pacientes com IMC maior que 40 Kg/m² que não tenham obtido sucesso na perda de peso após dois anos de tratamento clínico. Um exemplo: uma pessoa com peso de 95 kg e altura de 1,53m possui IMC acima de 40. Já uma outra pessoa com peso de 105 kg e altura de 1,70m tem IMC de 36. “Dessa forma, é preciso avaliar cada caso, para saber se o paciente tem indicação cirúrgica”, afirma.

A bariátrica pode reduzir o risco de morte por doenças cardiovasculares?

Segundo o especialista, cerca de 75% do colesterol do organismo é endógeno, ou seja, produzido pelo corpo, e 25% é obtido pela alimentação. “Em casos de obesidade avançada e presença de dislipidemia (altos níveis de colesterol e triglicerídeos), a cirurgia bariátrica pode ser indicada, ajudando tanto a emagrecer quanto a controlar o risco de doenças cardiovasculares e cerebrovasculares advindas dessa condição”, explica.

Pacientes que realizaram o procedimento podem consumir bebida alcoólica?

Pacientes recém operados devem evitar consumo de bebidas alcoólicas por, no mínimo, seis meses. Thales explica que o alto índice calórico das bebidas prejudicam o estômago e intestino, além da redução da absorção dos nutrientes. “Após a cirurgia bariátrica, o sistema digestivo é readaptado e deve ser cuidadosamente reeducado”, alerta.

Cirurgia bariátrica é considerada estética?

A Cirurgia Bariátrica não pode ser considerada como um procedimento estético, afirma o especialista. O foco principal, segundo ele, é o controle da obesidade e doenças associadas a ela. Em paralelo, os pacientes melhoram bastante a relação com sua imagem, corpo e autoestima, gerando qualidade de vida. “A cirurgia bariátrica é considerada uma cirurgia metabólica, onde auxilia no controle da diabetes, alterações de colesterol e hipertensão. É um tratamento cirúrgico para uma doença grave: a obesidade”, esclarece.

A cirurgia plástica é necessária após a bariátrica?

Não necessariamente, explica Thales. “A necessidade pode variar de paciente para paciente, e a indicação sempre deve vir da equipe multidisciplinar que está acompanhando o caso médico”.

Mas, o médico explica que quando a perda de peso é muito grande, a cirurgia plástica reparadora pode ser indicada para a retirada do excesso de pele. “O ideal é que se aguarde, pelo menos, um ano depois da realização da cirurgia bariátrica para iniciar as cirurgias plásticas reparadoras, sempre consultando o seu médico antes de tomar a decisão”, finaliza.

Serviço:
Centro Médico São Miguel
Endereço: SHLS 716, Bloco A, Ed. Pio X, Sala 402 – Asa Sul
Horário de funcionamento: 9h às 18
Telefone: (61) 3964-9169
Instagram: @cmosaomiguel

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM SE INTERESSE POR:


0

Comente esta notícia!