Em fase final no Lago Sul, o plantio de mudas de ipês para recuperar orla do Lago Paranoá

Brasília, quarta-feira, 28 abril, 2021

Em fase final no Lago Sul, o plantio de mudas de ipês para recuperar orla do Lago Paranoá

São mais de 400 mudas de ipês amarelos que, em três anos, vão transformar a paisagem da orla sul do Lago Paranoá. Foto: Divulgação/Sema

Fonte: ASCOM RAXVI

Atualizado em: 29 abril, 2021

O Programa de Recuperação das Áreas Degradadas da Orla do Paranoá ganha novo ritmo com o plantio de mais de seis mil espécies do cerrado, entre elas centenas de mudas de ipês de várias cores. Nos 16 hectares da Área de Relevante Interesse Ecológico – Arie do Riacho Fundo, da orla sul do Lago Paranoá, a recuperação passa pelo Parque das Copaíbas, Parque Ermida Dom Bosco, Arie do Bosque e, em especial, na orla das quadras do Lago Sul, QL 8, 16, 20, 22, 24, 26 e 28.

Nesta fase de plantio das mudas, a colaboração dos moradores e usuários do Lago Paranoá, no Lago Sul, é essencial para o desenvolvimento do projeto e a garantia da preservação destas plantas, que irão, num prazo de três anos, transformar o paisagismo desta imensa área. O projeto tem a coordenação da Secretaria de Meio Ambiente, por intermédio do Instituto Brasília Ambiental e é executado pelo Instituto Terra, responsável pelo plantio e recuperação desta área.

Foram plantadas mais de 400 mudas de ipê-amarelo, em fileiras ao longo da via, próxima ao balão do Aeroporto, e várias mudas de ipê-branco, que cobrem boa parte do interior deste terreno. A recuperação ambiental vai preservar um importante braço do Riacho Fundo, que deságua no Lago Paranoá, e que se constitui como um corredor ecológico onde habitam várias espécies da fauna e flora do Cerrado brasileiro.

O projeto, que está em sua fase final de plantio, vai recuperar uma área degradada pela expansão urbana, ajudando na manutenção da biodiversidade, com influências no clima e, principalmente, no paisagismo.

Com apoio integral da Administração Regional do Lago Sul, foram colocadas barreiras em algumas áreas para impedir o acesso de veículos, recuperadas placas de sinalização e executados serviços de roçagem, poda e limpeza, preparando o terreno para o plantio destas mudas.

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM SE INTERESSE POR:


0

Comente esta notícia!