Em nova fase, Olinda Comida Nordestina lança novidades no cardápio

Brasília, quarta-feira, 3 novembro, 2021

Em nova fase, Olinda Comida Nordestina lança novidades no cardápio

Foto: Carne de Sol e acompanhamentos da casa. Crédito: Divulgação.


Atualizado em: 3 novembro, 2021

Novos pratos trazem receitas típicas da culinária do Nordeste brasileiro

Um dos lugares mais tradicionais de Taguatinga, vivo na memória de muitas famílias que passaram por lá, agora está de cara nova. Por muitos anos com o nome Olinda Carne de Sol, a casa agora adota o Olinda Comida Nordestina e traz ainda mais Nordeste para o brasiliense matar a saudade de suas origens ou, para quem não é de lá, conhecer um pouco mais sobre a região.

Com intuito de celebrar a nova fase, o restaurante repaginou o cardápio. Para abrir o apetite, uma seleção chamada de “Abrideira” com clássicos nordestinos. As opções são: Creme de Jerimum (R$ 21,90), Caldo de mocotó (R$ 22,90), Favada (R$ 26,90) e Mocofava (R$ 26,90).

Como entrada, a casa oferece: queijo coalho assado na brasa com melaço de cana (R$ 22), capitão de feijão verde com carne de sol desfiada na nata (R$ 32,90 – 6 unidades), dadinho de tapioca com geleia de pimenta (R$ 21 – 6 und./R$ 28,90 – 12 und.), torresmos crocantes e sequinhos (R$ 32), croqueta de carne de sol (R$ 12 – 4 und.), chips de macaxeira (R$ 22) e pastel (R$ 12 – 6 und./R$ 22 – 12 und.) nos sabores: carne de sol na nata, queijo manteiga com rapadura e cartola).

Se você é do tipo que curte uma comida mais leve, as saladas são uma ótima pedida. O restaurante oferece três opções, que são elas: a Recife (R$ 31): mix de folhas verdes, tomate cereja, cebola roxa, cenoura e palmito; Olinda (R$ 38): mix de folhas verdes, tomate cereja, cebola roxa, ovo de codorna, cenoura, palmito, cebola pérola em conserva e torresmo picado; e Pernambuco (R$ 42): mix de folhas verdes, lascas de carne de sol, lascas de queijo coalho, tomate cereja e chips de macaxeira.

E, claro, não poderiam faltar os pratos principais, com um sabor inconfundível. Destaque para o baião de dois (R$ 58 – médio; R$ 68 – grande): arroz, feijão fradinho, queijo coalho em cubos, linguiça, bacon e carne seca desfiada. Acompanha purê do dia e farofinha crocante.

Outra estrela do cardápio é o escondidinho de carne de sol desfiada com requeijão (R$ 72 – médio; R$ 88 – grande): gratinado com queijo coalho e pimenta biquinho. Acompanha arroz. Já o Rubacão (R$ 88 – médio; R$ 99 – grande) leva arroz de leite, feijão verde, paio, carne de sol, queijo coalho, costela de porco, pé de porco, costela de boi e nata. “Esta é uma receita muito especial para a nossa família. É sempre uma festa quando o prato do dia é o Rubacão. É de comer suando, conterrâneo!”, explica o empresário Romão Olinda, que recebe o mesmo nome do pai, o fundador do restaurante.

Sobre

O Olinda Comida Nordestina foi inaugurado em setembro de 1987 com o nome Olinda Carne de Sol, em Taguatinga. De lá para cá, muitas histórias e sabores marcaram o lugar. Criado pelo Sr. Romão Olinda, o restaurante hoje é comandado pelo filho, que recebe o mesmo nome do pai. O restaurante é fruto de um sonho de muito trabalho e desejo de unir as pessoas à mesa para provarem os sabores do sertão e se divertirem ao lado de quem tanto gosta.

Olinda Comida Nordestina
Endereço: CNB 2 Lote 2, Loja 1 – Taguatinga
Telefone: (61) 3562-5177
Horário de funcionamento: segunda a sexta: 11h às 23h. Sábado e domingo: 11h às 16h.
Instagram: @olindacomidanordestina

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM SE INTERESSE POR:


0

Comente esta notícia!