Retiradas 28 toneladas de lixo dos bueiros da Rodoviária

Brasília, quarta-feira, 20 outubro, 2021

Retiradas 28 toneladas de lixo dos bueiros da Rodoviária

A Rodoviária do Plano Piloto, que recebe diariamente cerca de 800 mil pessoas, está passando por uma faxina completa. O serviço é amplo. Inclui desde a limpeza das 87 bocas de lobo, passa por canaletas e chega até as caixas de águas pluviais, com o desentupimento das redes, lavagem, reparo e desratização. Em cinco dias, já foram retiradas 28 toneladas de resíduos e lixo dos bueiros. Foto: Paulo H. Carvalho/ Agência Brasília

Fonte: AGÊNCIA BRASÍLIA
Por: MARLENE GOMES
Atualizado em: 20 outubro, 2021

O volume é resultado do trabalho de um dia. Mutirão prossegue no terminal, que recebe diariamente 800 mil pessoas

A Rodoviária do Plano Piloto, que recebe diariamente cerca de 800 mil pessoas, está passando por uma faxina completa. O serviço é amplo. Inclui desde a limpeza das 87 bocas de lobo, passa por canaletas e chega até as caixas de águas pluviais, com o desentupimento das redes, lavagem, reparo e desratização. Em cinco dias, já foram retiradas 28 toneladas de resíduos e lixo dos bueiros.

A limpeza de bocas de lobo e galerias pluviais vai evitar que a água transborde na temporada de chuvas que está começando | Fotos: P. H. Carvalho/Agência Brasília

A ação está sendo coordenada pelo Polo Central Adjacente III do GDF Presente. A equipe está utilizando um caminhão hidrojato para fazer o arremate dos trabalhos. O equipamento permite mais agilidade e eficiência nos serviços. A força da água se encarregou da desobstrução total dos bueiros e da lavagem final dos espaços.

O programa GDF Presente dispôs de todos os maquinários a fim de intensificar a ação, entre eles caminhões pipa e caçamba, duas vans e duas viaturas da Secretaria de Administração Penitenciária (Seape).

Simultaneamente à limpeza das bocas de lobo, a Diretoria de Vigilância Ambiental, da Secretaria de Saúde, também foi convocada para a ação. Equipes do órgão realizaram o tratamento da água parada e a desratização do subsolo do terminal, providências fundamentais para se evitar doenças.

“Com a realização de ações preventivas, não temos registros de infiltrações, alagamentos ou transbordamento de águas pluviais”
Josué Martins de Oliveira, administrador da Rodoviária

“Estamos colocando uma pastilha que mata as larvas dos mosquitos em todas as canaletas que têm água parada. Depois vamos aplicar um tipo de veneno que mata ratos, escorpiões e baratas no subsolo da Rodoviária, nas áreas mais escondidas”, explicou a chefe do Núcleo de Vigilância Ambiental Norte, Ozenilde Miranda Leite de Noronha.

O administrador da Rodoviária, Josué Martins de Oliveira, explicou que os serviços de manutenção no local são rotineiros. “É uma cidade, milhares de pessoas transitam por aqui todos os dias”, afirmou. “Com a realização de ações preventivas, não temos registros de infiltrações, alagamentos ou transbordamento de águas pluviais”, completou.

Josué Martins ressaltou ainda que a limpeza das galerias pluviais do terminal gerou um resultado imediato. “Retiramos um grande acúmulo de resíduos nesses espaços. Garrafas de plástico, isopor e papéis. Pedimos para a população colaborar não jogando lixo no chão”, disse.

Elogios populares

Quem frequenta a Rodoviária do Plano Piloto diariamente ficou feliz em ver os serviços por lá na manhã desta quarta-feira (20). “Com a limpeza da rodoviária, vai melhorar bastante a qualidade do ar”, elogiou o higienizador de transportes Wesley Barbosa da Silva, 29 anos.

“Ao manter esse local limpo, estamos dando dignidade e qualidade de vida para quem passa por aqui todos os dias”
Alexandro César, coordenador do Polo Central Adjacente III

Funcionária do Hospital de Base, Luciana de Lima, 42 anos, passa todos os dias pela rodoviária para pegar o ônibus para Brazlândia, onde reside. “É muito importante a limpeza dos bueiros para evitar que a água transborde nessa época de chuva, o que pode causar doenças”, acrescentou.

“Prevenção é tudo”, resumiu Gilmar Costa, 35 anos, auxiliar de serviços gerais da União Transporte Brasília (UTB), que atende a região do entorno do Distrito Federal. “Muito boa essa ação do governo. Se desentupir logo as bocas de lobo, vão prevenir as enchentes, já que a chuva está chegando. Aqui tem que estar tudo limpo, porque é muita gente passando o tempo todo”, disse Gilmar Costa.

“Ao manter esse local limpo, estamos dando dignidade e qualidade de vida para quem passa por aqui todos os dias. São pessoas que vão para o trabalho, hospital e escola, além daqueles que trabalham aqui mesmo”, destacou o coordenador do Polo Central Adjacente III, Alexandro César.

O auxiliar de serviços Gilmar Costa, que trabalha numa empresa de transporte, é um dos que elogiam a ação dos órgãos do GDF: “Prevenção é tudo”
A administradora regional do Plano Piloto, Ilka Teodoro, ressaltou a importância das ações no espaço mais democrático do DF: “A Rodoviária do Plano Piloto é o ponto central da mobilidade de Brasília. Todas as intervenções que garantem melhorias nesse equipamento implicam em melhoria para todos.”

Ação prossegue

O mutirão de limpeza na Rodoviária prossegue nos próximos dias com a participação de 50 pessoas, aproximadamente. Além dos servidores de órgãos do Governo do Distrito Federal (GDF), a ação conta com 20 reeducandos do sistema prisional, da Secretaria de Administração Penitenciária (Seape).

Estão previstas ainda a poda de árvores, retirada de arbustos e reparo nas caixas de águas pluviais. Em seguida, será feito o recapeamento das pistas, pintura da sinalização horizontal e vertical das áreas e das barreiras de proteção do Buraco do Tatu e jardinagem.

O mutirão tem a participação de equipes da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), Serviço de Limpeza Urbana (SLU), Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb), Secretaria de Saúde, Departamento de Trânsito (Detran), Departamento de Parques e Jardins (DPJ) e Departamento de Estradas de Rodagem (DER), além da Seape.

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM SE INTERESSE POR:


0

Comente esta notícia!