Seminário e exposição fotográfica destacam o percurso de refugiados venezuelanos rumo à integração no Brasil

Brasília, quinta-feira, 23 setembro, 2021

Seminário e exposição fotográfica destacam o percurso de refugiados venezuelanos rumo à integração no Brasil

Francesca estava abrigada em Roraima e foi interiorizada para Seara (SC), depois de aprovada para trabalhar em uma indústria de alimentos. - Foto: Antonello Veneri /AVSIBrasil-Divulgação


Atualizado em: 23 setembro, 2021

Atividades marcam o encerramento da primeira fase do projeto Acolhidos por meio do
trabalho, e serão realizadas em Brasília a partir do dia 28

A situação de refugiados e migrantes venezuelanos que atravessaram a fronteira do Brasil nos últimos anos e foram integrados na sociedade brasileira, será o tema de duas atividades propostas pela AVSI Brasil, a partir do dia 28, em Brasília. Na programação, está prevista a divulgação de um estudo realizado com famílias venezuelanas que estavam abrigadas em Roraima e foram interiorizadas para outros estados do Brasil, através do projeto Acolhidos por meio do trabalho, implementado há dois anos no Brasil.

O Seminário: o percurso de refugiados e migrantes venezuelanos rumo à autonomia no Brasil, irá reunir organizações que atuam na temática do refúgio e da migração, como a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), e a força-tarefa Operação Acolhida. A cientista política e diretora técnica da Pólis Pesquisa, Bertha Maakaroun, fará uma análise do estudo realizado com as famílias. O encontro terá início às 9h30 e será transmitido ao vivo, pelo canal Youtube da AVSI Brasil. Para acompanhar de forma remota é necessário fazer a inscrição neste link https://bit.ly/3yOPEaIe, próximo ao evento, será enviada a chave de acesso.

Exposição fotográfica no CCBB Brasília

Já na noite do dia 29, haverá o lançamento da exposição Acolhidos: o percurso da Venezuela à integração no Brasil, com fotografias de Antonello Veneri, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB). A exposição estará aberta ao público a partir do dia 30 de setembro, e ilustra o percurso realizado por centenas de famílias venezuelanas desde que chegam no Brasil em busca de acolhimento.

Ao cruzarem a fronteira, em Roraima, elas são recebidas nos abrigos da Operação Acolhida, para os primeiros cuidados em saúde, regularização de documentos e acomodação temporária. A jornada segue rumo a diversas cidades no Brasil onde, amparados pelo projeto Acolhidos por meio do trabalho, conseguem, oportunidades de emprego junto à iniciativa privada e então, a autonomia financeira e a integração social. Estima-se que aproximadamente 8 mil migrantes venezuelanos estejam vivendo em abrigos temporários da Operação Acolhida, em Roraima.

Na exposição, o visitante poderá contemplar fotografias e retratos; ler depoimentos de refugiados e migrantes entrevistados, além de contar com recursos audiovisuais que proporcionam uma reflexão profunda sobre o tema do refúgio e da migração no Brasil. A exposição conta ainda com uma sala educativa, onde serão realizadas atividades para jovens e crianças e apresentação de vídeos com depoimentos do fotógrafo, sobre os bastidores deste trabalho, além de depoimentos de colaboradores da AVSI Brasil, que falam sobre o trabalho humanitário realizado nos centros de acolhida de Roraima.

Acolhidos por meio do trabalho

As duas atividades marcam o encerramento da primeira fase do projeto Acolhidos por meio do trabalho, implementado desde 2019 e que intermediou a interiorização de 1.143 venezuelanos, de Roraima para nove estados brasileiros, incluindo o Distrito Federal, sendo que 543 foram contratados por empresas parceiras. Cada pessoa contratada pode levar seus familiares para um novo recomeço na cidade de acolhida e contam com acompanhamento social e moradia nos três primeiros meses após a contratação. O projeto também atua com a população brasileira em situação de vulnerabilidade, com capacitações profissionais e a inserção no mercado de trabalho.

Para Thais Braga, gerente do projeto na AVSI Brasil, os dados apresentados no seminário e a exposição fotográfica refletem o trabalho crucial realizado com a população migrante, que muitas vezes chega ao Brasil sem perspectivas e em busca de melhores condições para viverem. “A AVSI atua na gestão de oito centros de acolhida em Roraima, como sócia da ACNUR e parceira da Operação Acolhida. Desde que chegam nesses abrigos, as pessoas recebem o acompanhamento necessário para a conquista da autonomia. O projeto oferece cursos de capacitação profissional, língua portuguesa e preparação laboral, no intuito de facilitar interiorizações por meio do trabalho para outros estados.”

Thais explica ainda que após as interiorizações, as famílias recebem acompanhamento social durante os primeiros meses, para facilitar a integração na nova cidade. “O papel do setor privado é fundamental neste processo, já que as contratações evidenciam a diversidade e integração e geram resultados positivos tanto para a empresa, como para a questão social local”, avalia a gerente.

O projeto

O projeto Acolhidos por meio do trabalho conta com o envolvimento da Fundação AVSI e AVSI-USA e é financiado pelo Bureau de População, Refugiados e Migração (PRM) do Departamento de Estado dos Estados Unidos, com o objetivo de fortalecer as ações da Operação Acolhida; força-tarefa humanitária liderada pelo Governo Federal, em resposta à crise humanitária instaurada na Venezuela. A iniciativa conta com o apoio institucional da Casa Civil da Presidência da República, da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) e de entidades da sociedade civil que atuam na temática do refúgio e da migração.

SERVIÇO:

28/set (terça-feira)

· Seminário: o percurso de refugiados e migrantes venezuelanos rumo à autonomia no Brasil
Horário: das 9h30 às 12h
Local: Complexo de Eventos Brasil 21, auditório Melhores do Mundo (participação restrita a convidados e jornalistas inscritos)
O evento será transmitido ao vivo pelo Youtube, para participar, o internauta deve fazer a inscrição no link https://bit.ly/3yOPEaI

· Media tour com jornalistas para visitação do Centro de Acolhida para refugiados venezuelanos Casa Bom Samaritano, em Brasília
Horário: 14h (saída do Complexo Brasil 21) até 16h
Confirmações devem ser solicitadas nos telefones (61) 9 9387.1010 – Michelle Souza e (61) 9 9274.2655 – Larissa Melo

29/set (quarta-feira)

· Visita guiada exclusiva para jornalistas na Exposição Acolhidos, com o fotógrafo Antonello Veneri, no CCBB Brasília
Data: 29 de setembro (quarta-feira)
Horário: 15h30 (Recepção central CCBB para identificação)
Confirmações devem ser realizadas nos telefones: (61) 9 9387.1010 – Michelle Souza e (61) 9 9274.2655 – Larissa Melo

Exposição Acolhidos: o percurso da Venezuela à integração no Brasil
Local: Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB Brasília (SCES Trecho 2 – vão central da Torre 4, térreo)
Período: 30 de setembro a 31 de outubro de 2021
Horário: 9h às 21h – de terça à domingo
Entrada: Gratuita Classificação etária: livre

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM SE INTERESSE POR:


0

Comente esta notícia!